sábado, 5 de junho de 2010

Aniver do Kall




Eu quis fazer um aniver diferente pra comemorar o aniver do meu primogênito.

Optamos por um acampamento. No início estava em dúvida de como comandaria

10 meninos entrando na pré aborrecência. Mas foi uma barbada, quer dizer...

Montamos acampamento, jogamos bola, fizemos várias atividades de escotismo,

e pescamos, graças à visita do Lelo, Cezinha e do Julinho que levaram material.

Não preciso dizer que o anzol ficou mais tempo em cima das árvores do que na água.

Fiquei impressionado com a inteligência dessa gurizada, são muito espertos, gostei também do companheirismo e sentimento de amizade que cercou o acampamento. Claro que temos muito a aprender ainda, principalmente no quesito trabalhar, conversamos muito e todos me prometeram que na próxima vez ajudarão a montar e desmontar barracas, fazer comida, buscar água etecetera, etecetera e etecetera. Vamos também adquirir material para acampamento, mochilas, isolante térmico (que ninguém sabia o que era) lanternas, facas, sacos de dormir e etecetera.

Mas cá entre nós, não que goste de desorganização e bagunça mas gosto de desafios, e virou um desafio pra mim passar algumas coisas que aprendi nessa vida para esse bando de moleques bem intencionados.

Uma experiência como essa, muitos passam uma vida toda sem ter. Ela ajuda na formação do ser humano, aprender a dividir, aprender a viver em coletividade, aprender a se virar, improvisar pratos, banheiros, arrumar e desarrumar a cama, lavar a louça (quando tem).

Quando enviei o convite muitos pais me disseram: Tu ta ficando louco...

Mas existe uma frase do fundador do escotismo Badem Powell que resume como me sinto: “O melhor meio para alcançar a felicidade é contribuir para a felicidade dos outros.”

Meninos o mundo é imenso e cheio de belos lugares, culturas interessantes e pessoas bacanas, também oferece para aqueles que conseguem estar ligados, diferentes oportunidades para se viver melhor.

Mas nós os seres humanos temos o mau costume de amarrarmos aos valores comuns do cotidiano e não aventurarmos na busca de novos empreendimentos e desafios.

Meninos, estarei de vez em quando escrevendo para vocês aqui no blog.

Vivam Intensamente

E Cuidem-se




Teve concurso de fotografia também...
Torrada de acampamento...
6h da matina...
Passeio noturno...

Quase meia noite e dê-lhe papo...
Nao tem prato? usa casca de taquara...
Há trinta anos éramos nós nos escoteiros...
Molhar a isca é com o Lelo...rsrsrsrsrs



2 comentários:

  1. Amigo Gilson! Não me contive e dei uma SUPER olhada no blog. SENSACIONAL ver o brilho nos olhos dos garotos.
    Parabens pela iniciativa. É exatamente disso que essa galerinha precisa, "sair da frente dos games e PC's da vida". Pense seriamente em abrir um programa de incentivo ao retorno das nossas origens (claro que de uma maneira bem ligth), com agendas para acampamentos rústicos, trilhas, rapel, ou algo do gênero. Podes ter certeza, A COISA VAI PEGAR, e o bixo neles também, hehehe.
    Um forte abraço.

    Josué Francisco
    josue.francisco1@gmail.com

    ResponderExcluir
  2. Muito criativo e inteligente!
    A gurizada deve ter adorado! Se é um fato de que não tenho dúvidas é a respeito do pai dedicado e maravilhoso que tu és!
    Muito legal, crianças de sorte e felizes!
    Parabéns!!!

    ResponderExcluir