segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Aniver Mauro

45 velinhas

Parabéns Mauro, meu amigo número 1.
Parabéns pelo sucesso da festa, pelo estilo alegre e contagiante de todos, o alto astral dos convidados e a escolha certa do assador e do homem chopp.
A festa começou parecendo que seria um dia daqueles em que tudo da errado, quando desperdiçamos vários e preciosos litros de chopp no teto e no chão do salão de festas tentando instalar a chopeira...mas a união faz a força e o assador nos cedeu alguns neurônios e tudo se “encaixou”.
O dia estava propício para uma grande festa e rever amigos de longa data, foi bom comungar com a tua família e da Paula, pessoas que nos deixam realmente à vontade.
A parte realmente ruim da festa foi lembrar que estamos mais velhos e iniciando a pior parte da vida, mas em contrapartida já sabemos escolher os atalhos e o melhor caminho a seguir. Que a segunda parte do caminho seja tão longa e divertida quanto a primeira. Vamos trabalhar para isso.
Beijo no teu coração. E te cuida
Gaysi: -Como eu amo esse homem...
Teve gente quebrando copo...
E gente varrendo...



A comadre saiu com os olhos fechados...mas ficou melhor que o Airton...

Só pode comer carne moída...
Deu pra ver quem toma conta da família...

Saladinha só pra enfeitar o prato...

Isso aí...servindo os colorados...




Mauro amanhã...
O Jair assou...mas o Lelo quis levar os louros...
A fruta não cai longe do pé...Chopp gelado quem resiste...








25 comentários:

  1. Parabéns Mauro...bonita festa !!

    ResponderExcluir
  2. Graaaande GP!!!! Sempre presente nos maus e nos BONS momentos. Teimoso como sempre. Eu avisei que tinha que engatar a mangueira. Mas ele não me ouve ... resultado: me deu um banho de chopp. Já ficamos com nosso odor característico. Cheiro de álcool. Ele também se molhou. e olha que chegou todo arrumado. Camiseta nova. Banho tomado. Durou pouco. Mas foi bom. Tirando a música. Dizem que a origem da comemoração do aniversário é justamente para esquecer que se está ficando mais velho e consequentemente mais próximo do fim. Se é assim o objetivo foi alcançado. Foi um dia memorável, pois o convívio com pessoas com as quais temos apreço faz a gente mais feliz e mais repleto de vida. como é bom rir e estar entre amigos! ter vontade de celebrar o milagre da existência e o prazer de viver. E isso tudo foi propiciado pelas pessoas que estavam lá, dentre elas o GP, sempre animando a festa, sempre ao meu lado, nas boas e nas roubadas. Valeu parceiro, não vou encher muito a tua bola pra não dar ciúme nos outros!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns Mauro.......Grande beijo!Linda festa!!!!bjão

    ResponderExcluir
  4. Obrigado Márcia pelo carinho. É muito bom termos amigos para dividir alegrias!

    ResponderExcluir
  5. "ficando mais velhos, e iniciando a pior parte da vida". . . nossa, que fatalista GP.
    Tá louco??!
    Não existe esta, de pior fase, todas podem ser ma ra vi lho sas, com suas particularidades, o lado bom e o ruim em um compasso. Tá, as vezes pinta uma saudade dos tempos de estudante, daquele tédio gostoso por não ter nada pra fazer. Lá pelos 40, cada minuto é mais que precioso.
    Nossa, falta tempo, para ler, se exercitar, estar com os amigos, filhos, conjugês, dormir. . . fora, estes pensamento que infernizam nossa cabeça, até no aniversário, "puxa, estou um ano mais velho".
    E daí, que sorte, e que venham os próximos 30,40. . . como já falava minha bisavó, em seus sábios 94 anos, "não ria da minha idade, se não chegares a ela, caro irá te custar"!!
    Parabéns pelos 45, e pela festa.

    ResponderExcluir
  6. Parabéns Mauro!!! Sucesso pra ti!!

    Voltando à busca da descoberta do "Anônimo":
    Bom, uma característica já temos: é GAY.
    Pô, falar ma-ra-vi-lho-sas (com as sílabas separadas) é indício fortíssimo de homosexualidade! hehehehe

    ResponderExcluir
  7. "Gay". . . háháhá, esta eterna insensibilidade masculina, me encanta. Não, caros leitores homens do GP, eu não sou gay!!

    ResponderExcluir
  8. Obrigado Diogo, obrigado anônimo! Quanto à idade o negócio é não esquentar. Meu plano é comemorar os 100 anos. Assim não cheguei nem na metade da vida. Como diz uma música do Nei Lisboa "Quero morrer bem velhinho/tomando um vinho/olhando a bunda de alguém". O melhor da vida ainda está por vir. Viver a vida intensamente. É melhor acordar arrependido do que dormir com vontade. Um forte abraço a todos!

    ResponderExcluir
  9. Anônimo, nem todos são insensíveis. Para estes apenas responderia com as palavras de Hamlet, da obra de Wiliam Shakespeare:To be or not to be, that's the question. "Ser ou não ser, eis a questão."

    ResponderExcluir
  10. Capitão Nascimento1 de dezembro de 2010 04:31

    Viu, falei que não era eu o anônimo !! MAuro, que história é essa de "Ser ou não ser"? é a pergunta que te atormenta ??? hehehe, abs

    ResponderExcluir
  11. "All right", tu és mesmo um dos mais seguidores mais sensíveis, que habitam este blog. . . deve ser a experiência dos "4.5". rsrsrs
    Parabéns para ti, um abraço.

    ResponderExcluir
  12. tem um "mais" a +, aí acima. . .favor desconsiderar.

    ResponderExcluir
  13. Valeu Anônimo! Oh Capitão Nascimento, já passei do peso e da idade para essa decisão atroz. Coisa deprimente é bixa velha. Viu semana passada no Jornal do Almoço aquele pessoal que tava divulgando a passeata em Porto Alegre? Que tristeza ... Mas admiro os homens que não têm vergonha de se mostrar por inteiro e desnudar seu lado mais frágil (ou mais forte) que é o lado sentimental. Sentir afeto por um amigo não é feio, na minha concepção. "Amigo pra caralho" não é só aquele que enche a cara junto contigo. É também aquele que chora, que ri, que te dá uma bronca quando tu faz uma M. A vida passa muito rápido para ficar de frescura. Cada um tem que ser aceito do jeito que é. Basta de imposições. Abaixo à ditadura social!

    ResponderExcluir
  14. Esse é o Mauro Augusto que eu conheço....Isso aí Indio velho, estou contigo e nao abro...(e nao abro??? que papo é esse???)

    ResponderExcluir
  15. Bom, o Blog em sim faz tempo que é muito sensível mesmo!! cada vez mais..aliás, to na luta por torná-lo algo digno de Índio velho, como o próprio blogueiro cita. Ou os Índios tb eram sensíveis ??? ahhh váááá

    ResponderExcluir
  16. Tá, mas chega desse papo de florzinha.
    Daqui a pouco vão nos tirar pra viado.
    Já abrimos o coração, de vez em quando dá pra dizer que gostamos um do outro, mas isso não pode se tornar rotina. O comum é se mandar à merda. E outra coisa. Nunca fomos guris de fazer toca-troca. Como é mesmo aquele negócio que tu diz GP?

    ResponderExcluir
  17. Mas que merda é essa??? sei que voces sao heteros pra que essa frescura? e caso nao fossem nao mudaria nada pra mim, apenas nao iriamos para o cabaré juntos...(ate parece)

    ResponderExcluir
  18. Socorro, me prestei a ler essas coisas todas... Começou super bem com o texto do Gilson, mas... Fazer o que... Depois de tanta discussão de homem, venho eu dar o ar da graça... hehehe!!!!
    Adorei e a foto que tu tirou minha e do vô Sabiá! A legenda podia ser "Tal vô, tal neta!", com seus copinhos na mão... hehehehe!!!
    Parabéns pai! É sempre bom poder comemorar esses momentos em família (tanto a que temos quanto a que escolhemos). Quero chegar aos 40, 50 com os mesmos amigos de hoje também :D
    Valeu, Gilson.

    ResponderExcluir
  19. Valeu Mari! É verdade os amigos são nossa família do coração.

    ResponderExcluir
  20. PARABENS, meu querido!!! Só fiquei triste por não ter sido convidada....
    Culpa minha, quem mandou não lembrar, né???
    Bj bem grande pra ti e esta familia linda!!

    Por falar em familia, viram a lindíssima homenagem pro Toso no Panorama??? ADOREI!!!

    ResponderExcluir
  21. Obrigado Mirinha! Quanto ao convite me desculpe. Realmente vários amigos ficaram de fora. Sabes quanto é difícil reunir todas as pessoas que queremos bem.

    Quanto ao Toso ficamos muito contentes com a homenagem! Dentro da simplicidade do ato o Dagaberto sobre valorizar o cidadão que é o Toso. É nessas horas que questionamos quem são as pessoas ditas normais ...

    ResponderExcluir